Girão diz que CPI blinda Consórcio do Nordeste: “É o símbolo nacional da corrupção na pandemia”

Em entrevista nesta quarta-feira (23), o líder do governo no senado federal, Eduardo Girão (PO-CE) disse que parte dos parlamentares de oposição ao governo que compõem a CPI da Pandemia, estão impedindo que o colegiado investigue casos suspeitos de corrupção.

Girão citou como exemplo a proteção que tem sido feita diante das tentativas de trazer representantes dos estados nordestinos em que há suspeitas de ações ilegais com verbas públicas federais:

“Hoje o símbolo nacional da corrupção na pandemia, sem duvida é o Consórcio do Nordeste. Você vê como o pessoal fica preocupado, como foram chamar um senador que nunca tinha votado na CPI só para votar contra, eu acho que é uma desmoralização completa”, disse Girão.

O senador lembrou ainda que o colegiado está completando dois meses nessa semana e somente fora tratadas questões relativas a eventuais acões e omissões do governo federal, sem, entretanto, aprovar um requerimento sequer para investigar corrupção:

“E tem um requerimento que a maioria dos senadores assinou que não esta sendo visto que é investigar os bilhões de verbas federais para estados e municípios. Isso não pode ser ignorado, isso é um tratoramento”.

Veja o vídeo:

Em tempos de “censura”, precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido… Só depende de você!

Redação

Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *