Eduardo Bolsonaro detona Witzel e expõe a "covardia" do ex-governador: "Correu como um rato"

O deputado federal Eduardo Bolsonaro fez duras críticas ao ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, após seu depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), da Covid, na última quarta-feira (16)

“Witzel correu como um rato”, disse Eduardo.

O ex-governador, que foi afastado por esquema de corrupção na saúde, tentou culpar o presidente Jair Bolsonaro pela estragos causado pela pandemia no País.

Eduardo aproveitou para compartilhar uma publicação do seu irmão, o senador Flávio Bolsonaro, sobre as “perguntas casadinhas” feitas entre Renan Calheiros e Witzel, chamando o ex-governador de “covarde”:

“Talvez o apelido certo seja aquele mencionado pelo presidente na reunião ministerial, mesmo”, legendou Eduardo.

A referência é à ocasião em que o presidente Jair Bolsonaro chamou Witzel de “estrume”.

Confira:

Veja o momento em que Witzel “fugiu” da CPI:

Em tempos de “censura”, precisamos da ajuda do nosso leitor.

Agora você pode assinar o Jornal da Cidade Online através de boleto bancário, cartão de crédito ou PIX.

Por apenas R$ 9,99 mensais, você não terá nenhuma publicidade durante a sua navegação e terá acesso a todo o conteúdo da Revista A Verdade.

É simples. É fácil. É rápido… Só depende de você! Faça agora a sua assinatura:

https://assinante.jornaldacidadeonline.com.br/apresentacao

Redação

Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *