Awake da Netflix pode acontecer na vida real? Veja

Nos últimos anos, assistimos a uma mudança na paisagem do terror. Os assassinos bizarros dos anos 80 e 90 ficaram em segundo plano em relação a fontes mais básicas de terror, geralmente centradas em mães que passam por situações insanas e absurdas, como é o caso de Awake, da Netflix.

Um Lugar Silencioso perguntou: “E se você não pudesse fazer barulho?”, enquanto Bird Box fez a pergunta: “E se os seus olhos tivessem que permanecer vendados ao sair?”

Aspectos da experiência humana diária, por sua própria natureza tida como certa, tornaram-se o novo ponto de partida para histórias destinadas a perturbar.

2021 teve a adição de uma nova produção neste gênero de nicho: Awake. O filme original da Netflix mostra Gina Rodriguez (Jane the Virgin) como Jill, uma mãe que está cansada de tudo.

Jill está envolvida em uma luta pela sobrevivência quando uma catástrofe global incognoscível coloca o mundo em um turbilhão, destruindo todos os eletrônicos e roubando a humanidade de sua capacidade de dormir. Do ponto de vista da maioria das pessoas, é mais ou menos o pior cenário possível.

Mas isso poderia acontecer na vida real? A resposta simples (via Tom Meisfjord, do Looper): “Não. Provavelmente não. Talvez. Não se preocupe com isso.”

Se você está se perguntando se um evento mundial pode acabar com os eletrônicos de todo mundo e impedir que as pessoas possam tirar um cochilo, então saiba que é muito difícil que aconteça.

Há um argumento hipotético de que uma tempestade solar, se ficasse grande o suficiente, poderia interromper fortemente a rede elétrica e, como relatou o Washington Times em 2014, há pelo menos uma correlação suspeita entre erupções solares e atividade cerebral.

Esse evento poderia causar um cenário de Awake? Há muitas evidências do contrário.

Mas e quanto à questão do sono? O mundo pode chegar em um ponto onde ninguém mais consegue dormir oito horas por noite?

De novo, provavelmente não, pelo menos não da maneira que o filme da Netflix parece apresentar as coisas. Apesar de passarmos um terço de nossas vidas dormindo, ainda temos uma compreensão extraordinariamente tênue do que a privação de sono a longo prazo pode causar a uma pessoa.

Sabemos que houve registro de pessoas que passaram mais de 11 dias sem dormir e que permaneceram marcadamente vivas depois disso. As partes de irritabilidade e alucinação são certamente reais, mas não há registro de uma pessoa ficando com tanto sono que morreu.

Na melhor das hipóteses, pode-se apontar uma ligação entre a perda de sono e condições como diabetes, hipertensão e problemas de saúde mental de longo prazo. A verdade geralmente é menos interessante do que as pessoas esperam.

Awake está agora disponível na Netflix.

Informações extraídas do site Observatório do Cinema – UOL
https://observatoriodocinema.uol.com.br/filmes/2021/06/awake-da-netflix-pode-acontecer-na-vida-real-veja
Autor: Victor Carvalho

Victor Carvalho

Victor Carvalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *